Da criação à reciclagem: a avaliação do ciclo de vida do ID.3


As emissões de CO2 estão presentes em todas as etapas da vida de um automóvel. A avaliação do ciclo de vida diz-nos em que quantidades. A caminho da mobilidade neutra em termos de CO2, otimizámos o processo de produção do ID.3 de modo a reduzir as emissões de CO2.

Matérias-primas, um ID.3 e geradores eólicos

A vida de um automóvel e os seus impactos ambientais

O desafio: de modo a permitir uma produção otimizada em termos de CO2, os nossos peritos têm de determinar as respetivas emissões de CO2 com a máxima precisão. É aqui que entra a avaliação do ciclo de vida. Com recurso ao método normalizado ISO, analisa componente a componente e determina o efeito que um automóvel tem sobre o meio ambiente, ao longo do seu ciclo de vida. Desde a extração de matéria-prima à produção, montagem e fase de utilização do automóvel, até à reciclagem dos materiais. Várias categorias de impacto são investigadas, entre elas as emissões de CO2 e uma pequena percentagem de outros gases que são convertidos nos chamados "equivalentes de dióxido de carbono". Esta unidade de medida permite comparar, o efeito de todos os gases com efeito de estufa, sobre o clima.

Ilustração da avaliação do ciclo de vida

Como tornar a sustentabilidade mensurável

Para cada fase de processamento de um componente, são determinadas as emissões, com recurso a um software especial que se baseia em valores médios. Para as fases de produção com recurso a energia intensiva, como a produção das células de bateria, utilizamos dados concretos dos respetivos fornecedores em vez de valores médios para o ID.3*. Esta abordagem é designada por avaliação específica do ciclo de vida. Esta demonstra-nos exatamente o impacto que as medidas por nós implementadas têm – e a quantidade exata de CO2 que tem de ser compensada. Os resultados da avaliação do ciclo de vida são verificados e certificados, de forma independente, pelo TÜV Nord.

 

*Baseado num ID.3 Pro Performance 1ST Plus 204 cv.

Componentes do ID.3
Certificado TÜV NORD: Produto neutro em termos climáticos

Certificado como "produto neutro em termos climáticos”

Agora que sabemos quão elevadas são as emissões durante a produção do ID.3, damos mais um passo à frente. A Volkswagen garante através de um certificado e selo que o ID.3 lhe vai ser entregue com um balanço neutro de CO2*. A agência independente de testes TÜV NORD confirma que o ID.3 é um "produto neutro em termos climáticos" quando é entregue aos clientes. Para estes cálculos, foram tidos em conta equivalentes de emissões de CO2 durante toda a cadeia de entrega, bem como durante a produção e montagem. Destes cálculos também fazem parte o transporte para as Concessões em toda a Europa, o primeiro carregamento da bateria antes da entrega e a reciclagem do automóvel. Nós compensamos as emissões que são calculadas. Apenas as emissões que ocorrem durante a utilização e manutenção do automóvel não estão incluídas. As emissões provenientes da reciclagem da bateria de alta voltagem também não são tidas em conta, pois as matérias primas que são recicladas e resultam deste processo constituem a base para o balanço ecológico de futuras baterias.

* As emissões de CO2 são, tanto quanto possível, evitadas e reduzidas de imediato na Volkswagen. Os fornecedores são obrigados a evitar e reduzir emissões, em conformidade. As emissões de CO2 que não podem ser evitadas ou reduzidas na Volkswagen, nem através de obrigações correspondentes na cadeia de fornecimento, serão compensadas no mesmo montante por meio de projetos certificados de proteção ambiental.

1 Supply chain / 2 Production / 3 Logistics / 4 Initial charging high-voltage battery

1 Cadeia de abastecimento / 2 Produção / 3 Logística / 4 Carregamento
inicial da bateria de alta voltagem

Emissões de CO2eq ainda não evitadas, tendo em conta medidas de redução

Quem conduz um ID.3 tem grandes vantagens

A Volkswagen anunciou que lhe entrega o seu ID.3 com emissões de CO2neutras. Para que circule, desde o início, com um balanço de CO2 mais favorável do que o de um motor de combustão comparável, reduzimos e evitamos as emissões de CO2 na fase da produção. Isto inclui, por exemplo, a utilização de eletricidade verde tanto na produção de células de bateria, como na fábrica de Zwickau, onde o ID.3 é produzido. As emissões de CO2 inevitáveis que ocorrem desde a produção à entrega ao cliente e que são determinadas através da avaliação específica do ciclo de vida, são compensadas por meio de projetos certificados de proteção ambiental.

A comparação de avaliações do ciclo de vida, revela que mesmo sem a compensação das emissões restantes do processo de produção, o ID.3, tem uma vantagem de CO2, face a um modelo comparável com um motor de combustão. E esta vantagem mantém-se não só quando é carregado com eletricidade verde, mas também quando é carregado com a mistura energética convencional europeia2.

A mobilidade elétrica também lhe proporciona a grande oportunidade de reduzir as emissões de CO2 para quase zero mesmo durante a utilização, e de aumentar drasticamente esta vantagem através do carregamento com eletricidade verde. A proteção ambiental também está na sua mão!

 

1 As emissões de CO2 são, tanto quanto possível, evitadas e reduzidas de imediato na Volkswagen. Os fornecedores são obrigados a evitar e reduzir emissões, em conformidade. As emissões de CO2 que não podem ser evitadas ou reduzidas na Volkswagen, nem através de obrigações correspondentes na cadeia de fornecimento, serão compensadas no mesmo montante por meio de projetos certificados de proteção ambiental.

2 Com uma vida útil estimada de 200.000 km em comparação com o Golf 8.

O potencial para o futuro

Os resultados da avaliação do ciclo de vida para automóveis elétricos são apenas uma pequena parte. Estes têm muito mais potencial para uma redução das emissões de CO2 para além do ciclo de vida do automóvel. Por um lado, durante a fase de utilização através da expansão crescente de energias renováveis e, por outro, durante a produção. Por isso, trabalhamos em estreita parceria com os nossos fornecedores com o intuito de continuar a reduzir as restantes emissões de CO2 através da utilização de eletricidade verde e materiais reciclados, mesmo na complexa cadeia de fornecimento que temos a montante. É por isso que vemos a compensação de emissões por meio de projetos certificados de proteção ambiental como uma medida imediata – e um passo no nosso caminho em direção a um futuro sem emissões.